Assembleia do Sindilimp define linha da Campanha Salarial e sustentabilidade do sindicato

28/09/2018

Garantir a continuidade de todos os direitos já citados na Convenção Coletiva e ampliar as conquistas, reivindicando 28 novos itens. Essa será a estratégia da Campanha Salarial 2019, definida em assembleia realizada pelo Sindilimp, às 18h do dia 27 de setembro, com auditório lotado, no Sindicato dos Metalúrgicos de Caxias do Sul.

No início do encontro, Dirceu de Quadros Saraiva, presidente da Federação dos Trabalhadores em Empresas de Asseio e Conservação (FEEAC/RS), fez um relato sobre o seminário da Federação com todos os sindicatos gaúchos do segmento, realizado no dia 15 de setembro, onde foi decidida a linha da Campanha Salarial e os próximos movimentos conjuntos. Dirceu afirmou que os trabalhadores devem orientar uns aos outros e buscar esclarecimentos nos sindicatos para buscar o cumprimento de todos os direitos. Ele ressaltou a importância, por exemplo, da homologação das rescisões contratuais, que deve ser realizada com a supervisão do sindicato. 

A seguir, o advogado José Alex Tapia destacou a presença dos assessores jurídicos do Sindilimp e alertou: “Este é o momento mais importante da vida sindical, quando se define a pauta de reivindicações e se encaminha a Campanha Salarial. Já estamos quase completando um ano de vigência da reforma trabalhista e com muito esforço conseguimos manter o patrimônio de direitos, enquanto outras categorias tiveram perdas”. Para Alex, a Convenção Coletiva é onde o sindicato “se agarra” para defender os direitos. Ele explicou que o sindicato vem recebendo denúncias de descumprimento de direitos, por exemplo, o aumento de carga horária sem aumento salarial. Explicou que isto é um vislumbre de que o próximo processo de negociação com o sindicato patronal será difícil e para fazer frente a isso é preciso unidade dos trabalhadores e lideranças sindicais.

Henrique Silva confirmou a necessidade de um sindicato forte no atual contexto em que o governo e a mídia fazem campanhas para enfraquecer os sindicatos e diminuir a representatividade sindical.

Após esclarecimentos, as propostas foram colocadas em votação e aprovadas pro unanimidade pelos trabalhadores presentes. 

Na finalização da assembleia, foi realizado um sorteio de brindes: camisetas do Sindilimp e cestas de alimentação doadas pelo Benefício Social Familiar.


Galeria de imagens



Compartilhe